Transformando Obstáculos em Desafios

Cidadania, inclusão social e pessoas portadoras de deficiências

Sabemos que a cidadania é um direito de todos os brasileiros. Na prática, porém, muitos encontram dificuldades para exercê-la. Sobretudo aqueles que sofrem um processo de exclusão social. Aqueles que vêm ameaçados seu acesso à educação, ao trabalho, a uma vida minimamente digna.

Essa ameaça, não raro, decorre de problemas de ordem financeira. Outras vezes, de uma série de barreiras que se tornam empecilhos ao bem estar do indivíduo. No caso das pessoas portadoras de deficiências (PPDs), que precisam de cadeiras de rodas para locomover-se, essas barreiras podem ser visíveis ou invisíveis. As visíveis, paradoxalmente, costumam fazer-se notar pela ausência: de rampas no lugar de escadas, de banheiros e, principalmente, meios de transporte adaptados, da possibilidade de se permitir ao sujeito o simples direito de ir e vir. Quanto às barreiras invisíveis, elas parecem estar presentes em toda parte: decorrem da dificuldade de se aceitar o outro e de encarar suas limitações sem pena, mas compreendendo-o como um sujeito, dotado de defeitos, qualidades, sonhos...

Tentando flexibilizar estas barreiras, o ESPAÇO NOVO SER nasceu a partir de uma mãe (Nena Gonzalez) com anseios para adaptar seu filho (Ricardo Souza) deficiente físico ao meio social, educacional e profissional, e de uma fisioterapeuta (Sheyla Mattos) capaz de proporcionar os meios e técnicas de reabilitação para atingir esses objetivos. Trata-se de um instituto sem fins lucrativos, que luta pela inclusão social de PPDs por lesão medular — isto é, pessoas com membros paralisados (paraplegia e tetraplegia) em função de uma lesão na medula espinhal.

Defendemos que o compromisso do ESPAÇO NOVO SER deve ter como premissa a luta por direitos iguais, por oportunidades iguais objetivando a superação dos obstáculos predominantes. A intenção é, pois, contribuir com a produção de mudanças capazes de transformar a ótica predominante sobre a deficiência.

Descobrindo um Novo Ser

Ao contrário do senso comum, o que se pretende é transmitir aos cadeirantes, suas famílias e amigos, uma mensagem de otimismo, transformando em desafios os obstáculos. Assim, o Instituto aposta em avanços sociais e acredita que é possível mudar o precário quadro social dos brasileiros PPDs por lesão medular. Um exemplo de suas ações é o Grupo Encontro que é formado por PPDs por lesão medular. Este grupo realiza visitas a outros portadores em suas residências e hospitais repassando suas conquistas, valorizando e promovendo o incentivo ao convívio social com pleno sucesso.

Outro exemplo é o Programa de Informática Adaptada, que possibilita a inclusão digital de PPDs por lesão medular que têm os movimentos manuais comprometidos, através de um sistema de comando de voz (Motrix). Este programa é instalado e ensinado com participação efetiva do Grupo Encontro.

Inclusão Social através de Ações Terapêuticas

Quando somos profissionais de uma equipe interdisciplinar, envolvidos com a reabilitação, essa relação toma dimensões ainda maiores, pois, além do compromisso com o bem-estar físico, precisamos ficar atentos às questões sociais, para que as PPD's possam exercer sua cidadania como qualquer pessoa.

É importante apagarmos de vez a idéia e imagem da passividade diretamente ligada à PPD. É preciso vê-la como participativa, integrada ao meio social, fortalecendo sua readaptação, potencializando suas aptidões e colocando-a em igualdade de condições. O ESPAÇO NOVO SER disponibiliza de alguns profissionais voluntários para facilitar suas ações através de atendimento de fisioterapia em domicílio.

Esse atendimento engloba orientações e apoio à família propiciando a melhoria da qualidade de vida e revertendo o processo de exclusão ao qual foram, inicialmente, submetidos.

A importância das Parcerias

Entendemos que a valorização das pessoas como NOVO SER humano se dará através da conscientização da sociedade, do poder público e de empresários, para que trabalhem de forma a facilitar a vida de quem, por alguma razão, tem sua mobilidade reduzida, pois a conquista fundamental da Humanidade vem através da luta pelos Direitos Humanos, exercida coletiva e individualmente.

Para realizar essas e outras ações, o Instituto necessita, além de voluntários, do apoio, do patrocínio e da parceria de empresas, organizações ou qualquer pessoa interessada em ajudar, visando atender demandas que vão desde a doação de computadores, cadeiras de rodas, equipamentos, etc., até a disponibilização de um terreno onde possa ser erguida a sede do ESPAÇO NOVO SER.

Desta forma, trava-se uma luta na qual cada cidadão está implicado. É urgente que a sociedade como um todo reconheça a necessidade de se respeitar a alteridade, a diferença, a universalidade do direito à cidadania. Afinal, se somos todos iguais perante a lei, deveríamos ser todos cidadãos perante a vida.

Leia Mais (no Vida Leve)

Para contatar o Espaço Novo Ser: (21) 3904-2614 - novoser@novoser.org.br - http://www.novoser.org.br

Hospedagem