MOTIVAÇÃO NÃO É MOVIMENTO (2)

Motivação é diferente e não funciona somente como motor para a ação (o movimento). Distintamente do movimento, que é uma energia instintiva para a preservação da vida animal, motivação é uma forma de energia psicológica, algo da alma e interno de cada um, é individual. Ninguém motiva ninguém – o que existe é a automotivação, que vem de dentro do ser - é o motivo que cada um de nós encontra, um significado da alma para a realização de algo mais elevado que só os seres humanos podem vivenciar. Alguém motivado vai dar o melhor de si demonstrando suas habilidades de forma bem-sucedida e produtiva. Com essa realização, a pessoa se recompensa no mais alto grau de motivação – a auto realização. Isto tem um forte poder em nós por causar um sentimento de prazer muito forte – e daí queremos bis – e isto não pára.

Ora, os empresários não querem animais ditos irracionais para trabalhar em suas empresas, querem humanos, seres racionais que possuem um cérebro mais evoluído para realizar tarefas que um animal (não humano) não poderia realizar. Não podemos ter a ilusão antiga de que queremos somente a mão de obra das pessoas, sem os corações e mentes. Já sabemos que não dá para excluir isso e, como antigamente dizíamos: “Deixe seus problemas na porta, não os traga para a empresa!”. E eu não diria também: “Deixe suas necessidades na porta e não os traga para a empresa!”. Isso seria uma ingenuidade.

Se o decisor quer a manutenção, o desenvolvimento e o sucesso do seu negócio, deve considerar que motivação é importante e, para motivar, é necessário ir além dos aspectos higiênicos que, conforme Herzberg, estes somente evitam que os empregados fiquem desmotivados e peçam demissão. Assim, sem dúvida nenhuma, a empresa deve suprir essas necessidades básicas de seus colaboradores: de bom ambiente de trabalho, bom salário, boas relações com as chefias e bons benefícios, só para falar das mais primordiais.

Isso tudo é muito importante, mas não o suficiente. Os empresários devem disponibilizar aos seus funcionários, condições para que reconheçam o sentido do trabalho, o significado do que fazem para sua realização na vida. Enfim, tratá-los como seres evoluídos, pois eles com certeza responderão em forma de amar e respeitar a empresa, criatividade, inovações, bom tratamento aos clientes, e, para isso, a grande sacada é descobrir o que motiva e inspira os colaboradores, porque isso funcionaria como uma chave para que ele desperte e descubra um significado para o seu trabalho, para a sua realização maior como ser humano.

Leia Mais (no Vida Leve)

Veja Também (na internet)

Ilma Lima é psicóloga organizacional e do trabalho há mais de 25 anos , especialista em comportamento humano e do consumidor, consultora, palestrante e professora de cursos de desenvolvimento profissional. * Rio de Janeiro/RJ * (21) 9154-4894 * ilmalimated@gmail.com * http://www.ilmalima.wordpress.com (veja mais)

Hospedagem