Em Busca de Si Mesmo (2/2)

Lao Tsu:

_ O que é um bom homem?

_ O professor de um mau homem.

_ O que é um mau homem?

_ A responsabilidade de um bom homem.




Se o homem tenta intencionalmente ser “bom”, será sempre confrontado com homens que estão tentando ser “maus”. Se o homem evita a bondade em si mesmo, ele está inconscientemente atraindo para a sua vida todos aqueles que lhe ensinarão a “bondade”.

Na busca por saber quem é, o homem gosta de saber o que os outros pensam a seu respeito, procura aprovação e evita as desaprovações externas. O homem procura ver a si mesmo através dos olhos dos outros, quanto mais faz isso, menos ele é verdadeiramente ele mesmo.

Na convivência com os outros, o homem encontra apoio para a integridade de suas crenças e de seu comportamento. Em vez de olhar, em particular, seu próprio espelho, ele tende a procurar os espelhos que refletirão as facetas de si mesmo, as quais ele está pronto para ver. O homem se direciona para o caminho que ele projeta para si. “Diga-me com quem andas que te direi quem és”.

A busca de si mesmo vai mais longe. Ouspensky diz que existem diferentes “eus” dentro de um indivíduo, cada um tentando ter um domínio momentâneo sobre os outros. Quando um Eu no controle, decide algo, os outros Eus terão que “pagar a conta’ daquela decisão. O verdadeiro eu é o centro, a parte do indivíduo que compreende todas as partes que puxam em direções diferentes. Encontrar a si mesmo é observar o todo e conseguir expressar a essência, a verdade sobre si mesmo.

Para encontrar a si mesmo, o homem precisa “querer ser”, só então ele começa a ser o líder, o discípulo, a fonte e o reflexo. Ele torna-se seu próprio guardião.

Leia Mais (no Vida Leve)

SANDRA GONÇALVES, astróloga, taróloga, numeróloga, terapeuta floral e Reikiana, trabalha, no Rio e pela Internet, com consultas e ministra cursos nestas áreas com o princípio de fomentar o autoconhecimento * Rio de Janeiro/RJ * sandrastral@gmail.com

Fonte: O Carma do Agora (Martin Schulman)\r\n

Hospedagem