Manual de Autocura - Método Self-Healing

Você está disposta (o) a todos os dias usar alguns poucos minutos para cuidar de si e evitar a chegada de doenças ou mesmo ajudar no processo de cura de algumas que você possui?

Lembre-se que você, se dorme 8 horas por dia, passa 960 minutos acordada (o). Não tem tempo? Ele é pouco, pois você tem que assistir ao Big Brother, às novelas ou contar algumas coisas que você ficou sabendo daquela amiga a outras? Nada disso, você tem mesmo é que trabalhar alucinada para poder sustentar toda a aparelhagem e tralha que você acha que precisa ter na vida para ser feliz?

Pense um pouco sobre as seguintes perguntas: sem tempo por que? Para que? Você consegue, com isso que você faz todos os dias, ser feliz? Se, tendo em vista suas respostas para você mesma, chegar à conclusão que poderia gastar esses poucos minutos e chegar ao caminho da saúde, uma porta para a felicidade, então o que vou falar é para você.

O ‘Manual de Autocura’ propõe a seus leitores o desenvolvimento de uma consciência sinestésica, física e sensorial de seu próprio corpo, com a qual muitos dos problemas poderão ser previstos e remediados.

Seus autores são: Meir Schneider, dado como cego aos 7 anos e que por meio de exercícios conseguiu ler, doutorar-se em Healing Arts e dirigir seu próprio carro (devidamente habilitado); Dror R Schneider, esposa de Meir, terapeuta e pós-graduada em Biologia e Maureen Larkin, terapeuta e bacharel em folclore, também beneficiada pelos mesmos exercícios usados por Meir.

Este é um livro para pessoas ativas, que desejam aprender sobre e como lidar com seu próprio corpo. Inúmeros exercícios acompanham as explicações sobre essa abordagem revolucionária na medicina e processos de reabilitação. Mais do que lido é um livro para ser usado. Ele foi praticado no ano passado no SESC em oficinas dirigidas por AnaLu Palma. Com outras metas, que este ano ela tem, deixou, a nós que a auxiliávamos, a incumbência de dar seguimento ao trabalho.

A nossa previsão é para que recomecemos em março de 2007, no Rio de Janeiro. Contacte-nos (pelo vidaleve) se, independente, da aquisição do livro, você esteja interessada (o) num empurrãozinho ou inventar um tempo, que você acha que não dispõe, para cuidar de si.

Veja Também (na internet)

Hospedagem