Zen & Cia  »  Tarot

O Tarô conta histórias

A Temperança Tarô Chinês O Tarô é o grande livro da humanidade, nele estão o passado, o presente e o futuro do homem, em todas as épocas, desde o começo dos tempos. Se a origem do Tarô é vaga e objeto de várias suposições, sabe-se que esse baralho muito antigo é uma viagem ao interior de cada indivíduo, à sua parte mais íntima: ao seu inconsciente. Os símbolos presentes nas cartas encerram uma sabedoria ancestral, um fundamento que extrapola idiomas e culturas e permite profunda compreensão da alma humana. Até o baralho de desenhos mais simples possui a chave do conhecimento universal, contém a numerologia, a astrologia, a alquimia, as cores têm um significado em cada carta, assim como a posição das figuras, tanto na carta quanto na tirada do jogo. O Tarô é regido pelo tempo cósmico, sem relação ao que foi estabelecido pelo homem por meio de calendários, relógios, estações do ano, plantio e colheita. As previsões estão subordinadas a esse tempo cósmico, significando que, por mais que o consulente queira que algo aconteça, a conclusão, ou solução, só virá quando ele estiver pronto para isso, quando estiver 'maduro':esse é o caminho da evolução.

Estas são algumas questões recorrentes nas consultas: o tempo (quando vai acontecer); o tipo de baralho utilizado (pode ser cartolina desenhada à mão, não importa, o verdadeiro profissional conhece todos e trabalha com qualquer um); livre-arbítrio e destino (o que é determinado e o que é escolha, sem esquecer que ambos interdependem e se interpenetram); a manifestação do inconsciente, a descoberta de desejos secretos que surpreendem, o eu real oculto sob múltiplas camadas de condicionamentos e atitudes aprendidas. A seguir, alguns exemplos de narrativas com os 22 arcanos maiores.



Narrativa tradicional

O Herói mune-se de vontade e conhecimento, busca inspiração, com segurança e firmeza, e conciliação para fazer uma opção que o leve à vitória. Com equilíbrio e cautela, enfrenta a mudança, e com energia supera o sacrifício em busca da transformação libertadora que lhe proporciona harmonia. A força unificadora lhe dá condições de empreender a reconstrução necessária e autoconfiança para confrontar perigos ocultos e enfim chegar à luz e à renovação. A coroação dos esforços leva o Herói à busca de novas aventuras.



Narrativa mitológica

O Herói tem pais celestiais e pais terrenos. Terminada a sua formação, ele decide deixar a casa paterna e parte para viver a experiência da responsabilidade. Na procura de si mesmo, enfrenta o destino e a tentação da força. O encontro consigo mesmo traz a compreensão do desapego e a harmonia interior. A tentação leva à frustração e à caída na realidade, mas proporciona também novas esperanças. Encarar o medo com vontade de viver propicia o encontro do tesouro e o reencontro do paraíso. Livre, o Herói sai à procura de novas experiências.



Narrativa atual

A preparação e a trama deste texto vêm da reflexão com criatividade de questões práticas, mas que devem ser tratadas com sabedoria, da escolha do caminho com equilíbrio, disciplina e prudência que levam a mudanças. A inteligência sutil auxilia a superação do ego e a transformação que propiciam harmonia que nos libertam de tensões e idéias fixas. Reestruturamos nossa vida com esperança, enfrentamos nossos medos mais profundos e daí emergimos com uma visão mais clara e alegre, renovando-nos e despertando para novas oportunidades. O sucesso da empreitada dá impulso para novas realizações.



O Tarô é um oráculo que se abre a quem o respeita e à tradição. À medida que o manuseamos, abrimos portas para um conhecimento mais profundo. Mas também podemos responder a perguntas do cotidiano que nos ajudarão a dar pequenos, e seguros, passos em nossa jornada, esclarecendo dúvidas e dores das quais desconhecemos a origem. O Tarô conta histórias: do sujeito e da sociedade. Basta saber ler.

CRISTINA BRITTO é terapeuta holística, formada em psicologia, e se dedica ao estudo e prática do Tarô desde 1994 - Rio de Janeiro/RJ - (21) 9214-2023 - magianavida@yahoo.com.br

Bibliografia indicada:
\r\n1. Hajo Banzhaf. O Tarô e a viagem do Herói. São Paulo, Pensamento, 2003.
\r\n2. Papus. O Tarô dos Boêmios. São Paulo, Martins Fontes, 2003.
\r\n3. Paul Marteau. O Tarô de Marselha. Rio de Janeiro, Objetiva, 1991.
\r\n4. Sallie Nichols. Jung e o Tarô. São Paulo, Cultrix, 1989.

\r\n*** Os navegantes do vidaleve moradores e visitantes de Friburgo/RJ contam com um serviço especial prestado pela Livraria Arabesco: (22) 2523-8680 — Avenida Alberto Braune 87 — Centro — arabescopapelaria@frinet.com.br

\r\nAlém da possibilidade de encomendar livros, caso não estejam disponíveis no momento, a Arabesco dá descontos aos navegantes do vidaleve. Basta que se imprima esta folha e a apresente na livraria.
\r\nA Arabesco também oferece promoções nas compras de produtos de papelaria, informática, material escolar, brinquedos e presentes. (veja mais)

Hospedagem